Este é o jogo que eu queria fazer, diz Kojima referindo-se à Metal Gear Solid V

“Este é o jogo que eu realmente queria fazer,” é assim que Hideo Kojima rasga seda quando se refere ao seu mais recente trabalho em Metal Gear Solid V.

Em entrevista concedida ao site IGN, o criador da franquia fez queixas com relação aos consoles da geração passada alegando que os mesmos eram limitados e não se tinha condições de fazer um jogo como o de agora onde a liberdade do jogador é muito maior (mas o jogo não estará disponível para PS3 e X360? Dessa vez não entendi o Kojima. Deve ter comido Temaki estragado, só pode). 

Este é o jogo que eu queria fazer 01

“Tinha que fazer um jogo linear onde era necessário a adição de cinemáticas para torná-lo mais dramático. Agora é possível planejar o seu caminho,” e Kojima continua, dizendo que maior liberdade não é a única novidade existente em Metal Gear Solid V.

“Até agora, Metal Gear tinha controles únicos com um conjunto de regras únicas. Queríamos tornar este jogo o mais acessível possível para as pessoas, por isso neste quesito tivemos que olhar para os jogos das outras companhias, e tentamos chegar a algo mais padrão, com um conjunto de controles mais padronizados.”

Como a maioria de vocês já sabem, Ground Zeroes é a primeira parte de Metal Gear Solid V, sendo sua continuação Metal Gear Solid V: The Phantom Pain. Preparem os bolsos para o dia 20 de março, e quanto a Phantom Pain, somente em 2015.

Sobre Eduardo Santana

Apenas um eterno curioso e pesquisador. Autodidata e perfeccionista por natureza, desenhista e ilusionista nas horas vagas. Nasci no Rio de janeiro, resolvi postar o Pescadordebits no ar afim de compartilhar conhecimento inicialmente, porém, com o passar do tempo, vem se tornando algo bem maior, o que sinceramente não esperava, e acho ótimo isso.