Empresa desenvolve aparelho que vai permitir “sentir” objetos na realidade virtual

Finalmente um exoesqueleto que cabe na palma da sua mão. Em torno dela. Esse é o Dexmo, uma estrutura em desenvolvimento da Dextra Robotics que pretende fornecer sensações táteis da realidade virtual para seus usuários. Basicamente, o dispositivo vai permitir que você “toque” objetos virtuais.

Empresa desenvolve aparelho que vai permitir 01

Num mercado em constante ascensão, encabeçado pela Oculus VR, a Dextra Robotics decidiu seguir outro de nossos sentidos para estímulo virtual e, em vez da visão, recorreu ao tato. O Dexmo detecta quando seu avatar do mundo virtual toca um objeto, os sensores do aparelho “freiam” as juntas do exoesqueleto e, quando o usuário tenta esticar o dedo mais pra frente, é criada uma força normal na ponta de seu dedo.

Empresa desenvolve aparelho que vai permitir 02

Ainda em desenvolvimento, o aparelho não distingue texturas e é mais voltado para objetos sólidos e resistentes. O Kotaku, que chama o Dexmo de “aranha robô comedora de mãos”, faz uma boa analogia para explicar a sensibilidade: “jogos sobre blocos duros de madeira? Prontos pra rodar. Jogos de fazer carinho em filhotinhos vão demorar um pouco mais”.

A Dextra Robotics deve levar seu projeto ao Kickstarter até o fim do mês.

Fonte: adrenaline

Sobre Eduardo Santana

Apenas um eterno curioso e pesquisador. Autodidata e perfeccionista por natureza, desenhista e ilusionista nas horas vagas. Nasci no Rio de janeiro, resolvi postar o Pescadordebits no ar afim de compartilhar conhecimento inicialmente, porém, com o passar do tempo, vem se tornando algo bem maior, o que sinceramente não esperava, e acho ótimo isso.